Seminário de Psicomotricidade Relacional apresenta novos caminhos para a educação

25 de setembro de 2015

A Câmara Municipal de Joinville promoveu, hoje de manhã, o Seminário de Psicomotricidade Relacional. Em parceria com o Centro Internacional de Análise Relacional (CIAR), o evento buscou trazer o tema que é pouco conhecido, mas contribui com o desenvolvimento de atividades cognitivas e emocionais de professores e alunos da educação infantil e fundamental. Tramita na CVJ projeto de Lei de Fabio Dalonso (PSDB) que propõe levar a atividade a escolas da rede municipal.

Em palestra, o professor José Leopoldo Vieira abordou o tema como uma ação de cidadania e transformação socia. Segundo ele, alunos que apresentam dificuldades educacionais de limites e aprendizagem são beneficiados com a técnica.

“Muitos sofrem agressões em casa, os amigos provocam e ele só encontra uma saída na escola. Mas, quando não a encontra, se torna violento ou se afasta do grupo, por isso essas atividades são tão importantes”.

A Psicomotricidade Relacional é uma prática educativa que possibilita um espaço de tempo para a criança, o jovem e o adulto, de forma lúdica e criativa. Com atividades que contribuem no processo educacional, o crescimento social e pessoal é estimulado e auxilia no desenvolvimento cognitivo, motor e afetivo. Ela favorece o processo de ensino e aprendizagem, pois interfere positivamente sobre as necessidades contemporâneas das áreas de educação e saúde, ajudando a superação de conflitos relacionais e facilitando o desenvolvimento do bem estar familiar, social e profissional.

Com vídeos e fotos de professores e alunos vivenciando a psicomotricidade, Vieira mostrou que as modificações podem acontecer em poucas aulas. Fazendo com as crianças sintam amor, elaborem desenhos e estimulem a maternagem, elas se tornam pessoas diferentes, que estão mais abertas ao diálogo e aprendizado dentro e fora da escola.

“É um processo que transforma todo um círculo social, não apenas o aprendizado. Importa o que ele traz pra toda cidade e pra toda vida dessa criança”, conclui o palestrante.

Projeto de Lei

O vereador Fábio Dalonso (PSDB) idealizou o evento. Ele explanou os benefícios da psicomotricidade nas escolas. Ele apresentou o Projeto de Lei 136/2015, que tem como objetivo trazer as atividades para as escolas da rede pública municipal.

“O projeto já está trâmitando na casa, quero que os profissionais estejam preparados para trabalhar essas técnicas com nossas crianças e saibam identificar esses problemas estudantis”.

Escola Estadual Dom OrioneConvênio de Formação Continuada para Profissionais da Escola Terra Firme